Blog do Quesada

Busca

13/03/2010

Belluzzo paz e amor

O presidente do Palmeiras teve a pena reduzida pelo STJD de 270 para 130 dias.

No ano passado, o mandatário teceu críticas duras ao árbitro Carlos Eugênio Simon que não confirmou um gol legítimo de Obina contra o Fluminense.

Ele disparou contra a postura do juiz gaúcho e o chamou de “safado”.

“A punição foi justa. Eu fui agressivo com o árbitro, mas não retiro nada”, esclareceu.

Mesmo suspenso, Belluzzo nunca deixou de “viver as coisas” do Palmeiras e depois do polêmico episódio afirma que voltou a ter “reações normais”.

Será que o jeito italiano-gesticulador-explosivo vai ficar mais ameno? 

Perguntei se agora é a versão Belluzzo “paz e amor”. Ele riu.

Por Leandro Quesada às 03h01

12/03/2010

Palmeiras não descarta Fernandão

O presidente Luis Gonzaga Belluzzo garante que o atacante não está sendo contratado mas não rejeita a idéia. “O Goiás não ofereceu o jogador”, explica o professor.

Fernandão já esteve na mira palmeirense no ano passado. “Quando ele foi para o Goiás, o Palmeiras tinha interesse”, revelou Belluzzo.

O clube segue de olho na aquisição de um camisa 9: “Trouxemos Ewerton e estamos tentando outro atacante. Não temos ofertas no mercado brasileiro. Quem sabe no exterior”.

O argentino Ernesto Farias, ex-River Plate, hoje no Porto, ficou perto do Palestra. Ele não veio por causa da suspensão do brasileiro Hulk.

Por Leandro Quesada às 21h37

11/03/2010

Vítor, o lateral que todo mundo queria

“O jogador que o Brasil inteiro sempre desejou. Uma contratação muito importante para uma posição carente no país e no mundo”, comemora Gilberto Cipullo, vice de futebol palmeirense em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Vítor esteve na mira de Corinthians, São Paulo, Internacional e Grêmio mas o destino definido é o Palestra Itália. Por quatro temporadas, o lateral de 27 anos defenderá o Palmeiras que comprou 65% dos direitos econômicos.

Até a estréia do verdão no Brasileirão contra o Vitória dia 8 de maio, ele terá dois meses para se preparar para o primeiro jogo com a nova camisa. A inscrição do Campeonato Paulista está encerrada e ele já disputou a Copa do Brasil.pelo time goiano.

Com a chegada de mais um jogador, algum lateral pode deixar o clube. O vice de futebol, no entanto, confirmou que os alas Figueroa e Armero continuam no elenco: “Os jogadores fazem parte dos planos de Antônio Carlos”.

Por Leandro Quesada às 22h42

De olho na seleção, Neymar quer dispensa do exército

A cada atuação do garoto dourado da Vila, aumenta o clamor popular para Dunga convocá-lo.

Em maio, se o nome de Neymar aparecer na lista final será uma surpresa. Não pelo momento vivido nos campos de futebol, mas se levarmos em conta a posição tomada pelo técnico da seleção de fechar o grupo.

Com o jargão surrado a “esperança é a última que morre”, o jovem atacante diz que vai alimentar até o último instante o sonho de disputar o mundial na África do Sul: “Acredito até o final”.

A única convocação que Neymar não deseja é a do exército brasileiro: “Já dei entrada na carteira de reservista”. Já atleta profissional, Neymar receberá o documento de liberação da “armada nacional” provavelmente em junho ou julho, meses em que a Copa estará sendo disputada.

Por Leandro Quesada às 14h36

09/03/2010

Ministro descarta plano B para Morumbi

Imagine uma Copa no Brasil sem o tradicional estádio do São Paulo FC ?

O risco do clube perder a sede da Copa de 2014 existe. O secretário geral da FIFA, Jerome Valcke é o inimigo número 1 do projeto são-paulino para receber os jogos do mundial. A todo instante Valcke exige a construção de outra arena.

Nos bastidores se discute a possibilidade de construir uma nova arena na capital paulista ou em algum município vizinho, caso o Morumbi seja descartado.

O Ministro dos Esportes, Orlando Silva, descarta outro local: “O prefeito Kassab e o governador Serra me garantem que não há o plano B. Não acredito nesta hipótese”.

As arenas esportivas para a Copa do mundo e os jogos Olímpicos no Brasil são temas discutidos diariamente com a participação dos governos federal e estadual e as prefeituras das cidades-sedes.

O São Paulo FC tem até abril para apresentar o projeto com todas as mudanças exigidas pela FIFA.

Enquanto os estádios da Copa são ainda uma incógnita, a estrutura para os Jogos Olímpicos de 2016 já é mais avançada, baseada no Pan do Rio em 2007.

O presidente do comitê olímpico brasileiro, Carlos Arthur Nuzman, confirmou que o Engenhão será o palco das Olimpíadas na cidade maravilhosa. “Vamos ampliar para 60 mil pessoas a capacidade de público”, promete Nuzman.

Por Leandro Quesada às 13h07

08/03/2010

Palmeiras terá Vítor do Goiás

Destaque do Brasileirão do ano passado, o lateral direito de 27 anos está sendo negociado com o clube paulista.

O vice de futebol do Goiás, Edmo Pinheiro, revelou as bases do negócio: “O Goiás é dono de 65 % dos direitos econômicos, o restante pertence a um grupo de investidores. O Palmeiras fica com a parte do Goiás e ainda emprestará três jogadores pra gente”.

Os nomes não foram revelados mas as conversações já estão bem adiantadas. “O acordo será selado depois do campeonato goiano”, garantiu Edmo.

Gilberto Cipullo, vice palmeirense cuida da transferência, segundo o dirigente goiano confirmou à Rádio Bandeirantes.

Corinthians, Grêmio, Inter já tiveram interesse por Vítor.

Por Leandro Quesada às 21h52

Ousadia do Santos traz riscos, diz técnico

Os treinadores de futebol do mundo inteiro buscam o equilíbrio entre a defesa e o ataque. A missão é fazer gols e não tomá-los. Alcançar tal objetivo é para poucos, quem sabe para supertimes.

O Santos faz muitos gols (são 33 em 13 jogos pelo Paulistão) por conta da ousadia de Robinho, Neymar, André e PH Ganso.

Uma postura ofensiva com tanta gente de qualidade é a garantia de bola na rede sempre. Ao mesmo tempo deixa a abertura para o adversário também marcar gols.

Vimos isso no clássico Lusa e Santos no Canindé. Um duelo vibrante, cheio de chances para ambos, com criatividade de sobra. O Santos empatou, mas correu o risco de perder por causa do ímpeto do ataque e certo descuido do sistema defensivo.

O técnico Dorival Júnior considera natural que o estilo arrojado do time santista deixe a defesa vulnerável: “É impossível ser ofensivo deste jeito sem correr riscos. Uma hora vamos perder e sofrer uma goleada. Mas vale o espetáculo”.

Não podemos esquecer que o Santos marcou 33 gols até aqui (mesmo número do Santo André) e sofreu 14, superado apenas por Corinthians (10), Botafogo e São Paulo (12).

Por Leandro Quesada às 00h57

Sobre o autor

Repórter e apresentador da rádio e TV Bandeirantes desde 1995, Leandro Quesada cobre os principais eventos da emissora. São 3 Copas do Mundo (1998, 2002 e 2006, além de coberturas jornalísticas de Campeonatos Brasileiros, Copas do Brasil, Estaduais, Libertadores, Mundiais de Clubes, Liga dos Campeões, eliminatórias da Copa, amistosos da seleção, Copa América, entre outros. Na Rádio Bandeirantes, é repórter e também apresentador do programa Esporte em Debate desde 1999. Na TV, é um dos comentaristas do Jogo Aberto, programa da Band, comandado por Renata Fan. Em 2002, ganhou o prêmio de melhor repórter esportivo dado pela Aceesp - Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de São Paulo. O jornalista ainda foi um dos informantes da CPI CBF-Nike - que investigou o submundo do futebol brasileiro.

Sobre o blog

Paulistano nascido no bairro histórico do Ipiranga, criado na República da zona leste da capital, torcedor do Juventus da Mooca, Quesada trará matérias especiais e notícias exclusivas dos bastidores do futebol.